7.12.16

A Menina que Roubava Livros








A história já começa surpreendente porque é narrada pela Morte, que por sua vez começa o livro se apresentando. Ela explica que subestima e superestima a raça humana, diz que é importante notar as cores do dia, curiosa com alguns de nós, ás vezes se interessa demais por alguém, como foi o caso da personagem Liesel Meminger. Ao longo da leitura, até parece que a morte tem sentimentos, mesmo não sendo humana. E o legal é que nos tornamos íntimas da narradora, imagine, a Morte como anfitriã!! De certa forma ela interage com o leitor e nos conta o porque do seu interesse por Liesel.

28.11.16

Precisamos falar sobre BELEZA!

Sempre gostei de maquiagem, desde que me conheço por gente pra ser mais específica. Lembro que quando criança, ganhava sempre de presente aquelas paletinhas de sombras coloridas de R$ 1,99 e achava o máximo passar aquelas cores vibrantes nos olhos.
Nada mudou, continuo gostando, mas costumo priorizar a saúde da minha pele e sempre que posso evito aplicar qualquer produto nela, pois assim meus poros podem respirar ar puro. Mas nem toda mulher se sente confortável em sair de casa sem uma base ou corretivo, um rímel ou batom. A sociedade hoje em dia é muito exigente e abusiva, seja na tua roda de amigos, no trabalho, na família, parece que necessitamos estarmos sempre maquiadas, ás vezes me sinto até culpada por não passar uma base no rosto, como se a maquiagem nos transformassem em outras pessoas, pessoas bonitas. Esse é um dos motivos que mais me chateia, porque afinal, a beleza de alguém não está nos produtos beauty, está no gosto de cada um, quem é bonita pra mim, pode não ser bonita pra ti, COM ou SEM make.



14.10.16

A VERDADE SOBRE A BASE RUBY ROSE


Oi gente!
Hoje vou falar a respeito da base sensação do momento. 
Para quem ainda não conhece, a base Ruby Rose explodiu na internet recentemente por ser um produto de ótimo custo-benefício. E há quem ache ela por menos de R$ 5,00. Aparentemente é uma embalagem simples, em bisnaga, bem prática, E sim, ela é assustadoramente de alta qualidade. E pode ter certeza de que ela coloca muitas bases nacionais e importadas no chinelo.



TEXTURA: é uma base cremosa e bem consistente, por isso acho que espalha bem.

COBERTURA: a cobertura dela é média/alta. Não podemos exigir muito pelo preço, mas a cobertura realmente é surpreendente. 

ACABAMENTO: O acabamento dela é matte e vai ficando bem sequinha conforme for aplicando-a na pele. Tem um cheirinho que me incomoda um pouco (não sei descrever bem que cheiro é), mas depois de seca não sinto mais.

DURABILIDADE: na minha pele dura em torno de 4 horas mais ou menos. A única coisa que não gostei é que craquela um pouco no nariz, mas fora isso ela é digna de uma make impecável.


ANTES E DEPOIS:

Com certeza foi a base mais barata que já comprei na vida. Ela custou 10,00, mas já vi gente que comprou por R$ 4,65. Não é surreal? A Ruby Rose me surpreendeu muito. É um produto que vale a pena investir. Pra garantir já adquiri duas logo de cara. E certamente comprarei mais algumas para garantir.

Obrigada por visitarem o blog, um beijo.

E dúvidas deixem nos comentários.

11.9.16

ESMALTE GIVENCHY - ROSE ADDICTION


Oi gente, tudo bem? O post hoje é sobre esmaltes! ( Uhuull \o/ 
Quem me acompanha aqui mo blog sabe que sou louca por esmaltes e foi o principal tema que me levou a criar blog também. E quero compartilhar minha opinião com vocês sobre o que achei.



Bom, o vidrinho do Rose Addicit é maior do que o normal, são 10ml. A embalagem é bem elegante e sofisticada e sua tampa principal é espelhada.   
Tem textura cremosa e consistente, que é o tipo de esmalte que gosto, com duas aplicações bem feitas já é o suficiente para um acabamento de qualidade. O pincel é mais largo, com a vantagem de colorir a unha com mais facilidade.


A cobertura tem bastante brilho, e não achei necessário passar nenhuma finalização. A secagem é rápida, inclusive até me impressionou a rapidez que ele secou. A cor é linda parece um rosa chiclete mais escuro, e o tom ficou bem elegante e de alto padrão.



Espero que tenham gostado do post. Um beijo ;)
E me sigam no Instagram @juramosg

4.9.16

Bloqueio criativo - Como lidar



Nunca pensei que isso me aconteceria. Pois é, eu tenho bloqueio criativo e vou contar uma coisa, é muito angustiante não poder colocar para fora o que tem na sua mente. Simplesmente trava tudo.
No começo não sabia ao certo o que acontecia, mas estudei e pesquisei sobre o assunto. Geralmente acontece com nós designers, blogueiros, escritores e com quem mais trabalha exclusivamente com a criatividade. No meu caso, esse bloqueio me afeta na parte de fazer posts para o blog, minha mente sabe o tema, mas não consegue produzir conteúdo. Já como designer não me afeta muito. E o engraçado é que depois de meses sofrendo com esse trava cuca, as palavras então deslizando no teclado do computador. Acho que eu precisava escrever sobre esse assunto, kkk.
Li muito sobre isso e algumas técnicas interessantes que executei funcionaram para mim. Mas existem vários conteúdos na internet que diz que podemos evitar o bloqueio criativo. Eu não concordo. Conseguimos sim melhorar nosso raciocínio e produção de conteúdo, mas não temos como evitá-lo. Como eu disse anteriormente, ele simplesmente acontece e trava tudo. E pode demorar horas, dias ou até mesmo meses, como no meu caso. Sei que muitas pessoas passam por isso e gostaria de compartilhar algumas dicas e ideias para que possam atravessar essa barreira e soltar a criatividade de vez!


Trabalhe em um ambiente divertido:
Deixe o local de seu trabalho alegre, divertido e com a sua cara. Se trabalha em casa, decore o home office com objetos legais, coisas que te inspire. No meu Home Office por exemplo, se encontra decoração com flores, livros, objetos coloridos e que me fazem lembrar um momento feliz.

Se inspire:
Utilize mídias sociais como Instagram, Pinterest para se inspirar em imagens legais, coisas interessantes e pessoas bonitas ( é, isso ajuda a desbloquear sua mente).

Leia livros:
Ler é um dos melhores remédios. Ler abre nossa mente, nos leva para lugares incríveis, nos faz criar imagens e nos obriga a viver a história. Sem querer, nosso cérebro já está produzindo conteúdos.

Use as Redes Sociais para obter ideias novas:
Usar as redes sociais não é só para cuidar da vida alheia e postar fotinhos, kkk
Serve para pesquisar coisas interessantes e diferentes, e assim se abrir para novas fontes criativas.

Visite blogs com conteúdos diversificados:
Essa é uma das técnicas que melhor se aplica no nosso caso, pois visitar blogs e sites que falem de vários assuntos nos leva a respirar novos ares, conhecendo coisas novas diversas e inspirações que faltavam para escrever.

Ouça música:
Escutar música sempre é uma boa ideia, independente do momento não é?
Ela ajuda a relaxar e a estimular a mente e por consequência pode ativar partes do cérebro relacionados á motivação, excitação e criação.

E então? Será que esse texto ajudou um pouquinho?
Deixem seus comentários abaixo e compartilhem suas experiência comigo ;)
Responderei todos!